{ Patins para iniciantes }

Já contei pra vocês que há exatos um mês tomei a decisão junto com algumas amigas de comprar um patins e começar a patinar! Tenho mostrado pra vocês no stories, sempre aos domingos, um pouco da nossa evolução. Tem sido muito divertido, porque por incrível que pareça eu patinei bastante quando criança e agora, parece que nunca havia deixado de patinar. Minhas amigas estão aprendendo, mas têm jeito pra coisa. Duas semanas e elas já andam muito bem!

17630065_1858730964351837_983275462040339900_n

20170326_174203-01

Porque escolhemos os patins? Porque são muito divertidos! A gente fica duas horas lá e só depois que tiramos os patins é que sentimos dores nos pés. Além disso, durante a prática esportiva, diversas funções motoras são ativadas, e para que você consiga manter o equilíbrio, diferentes regiões do cérebro são estimuladas. Há estudos que provam que patinar melhora a concentração, o raciocínio lógico e rápido, e mais, ajudam no tratamento de adultos ansiosos (eu) e crianças com problemas de atenção.

Pensando nisso tudo e em como estou amando esse novo hobby, resolvi escrever um post com algumas dicas e informações úteis para quem está começando ou quer começar a patinar.

| BENEFÍCIOS DO PATINS |

Andar de patins pode parecer só um lazer, mas traz outros inúmeros benefícios como emagrecer queimando gordura e calorias, melhorar a forma física, desenvolver o sistema cardiovascular, melhorar a capacidade dos pulmões, além de tonificar os músculos e fortalecer os tecidos conjuntivos. Outra coisa que eu estou achando o máximo é a mudança da postura. Inicialmente você não percebe, mas depois de algum tempo e prática começa a notar a mudança. Pra mim, a melhor parte é o gasto calórico! Meu metabolismo é muito lento e por isso minha pulsação não sobe tanto quanto devia. Em minhas pesquisas, depois que comecei a treinar, percebi que pode-se queimar até 800 calorias por hora com atividade de alta intensidade.

| POR ONDE COMEÇAR |

Esses dias estávamos na Centauro para uma amiga trocar a numeração dos seus patins e uma vendedora muito competente começou a nos dar algumas dicas. A primeira delas é andar sem deslizar para aprender a se equilibrar, a segunda é abrir os pés 45 graus em cerca de 15 a 25 cm de distância um dos outro e os joelhos dobrados, e a terceira é pedir ajuda para alguém que já sabe andar te segurar. Para se equilibrar e conseguir andar corretamente, também é muito importante manter a postura ereta e deixar os braços estendidos ao lado do corpo, um pouco mais pra frente.

| QUAL PATINS COMPRAR |

Pelo que andei lendo, o melhor patins para iniciante são os modelos Fitness, pois sua base é feita de composite, alumínio ou magnésio, que garantem estabilidade, agilidade, eficiência e velocidade, além de ter o conforto da bota maior do que dos patins que costumamos encontrar em supermercados. Eu comprei esse da Oxelo na Decathlon à R$ 300,00, pois havíamos ouvido falar muito bem da marca. Existem várias outras marcas na categoria Fitness a preços um pouco mais caros como a Oxer, que também ouvimos falar super bem.

| SEGURANÇA |

O equipamento de proteção é de suma importância para o patinador. Não vai achar que é bobeira não! Eu mesma no primeiro dia, havia conversado com uma amiga sobre a necessidade da cotoveleira. E adivinhem só qual foi o primeiro lugar que ganhei um arranhão? Poisé! E tem mais! Mais de 32 mil patinadores se machucam todo ano e a lesão mais comum são as fraturas no antebraço. Não é bobeira não! Uma dica muito legal é se antecipar a queda. Quando sentir que vai cair tente agachar. Assim você amortece a queda e evita lesões graves.

| COMO FREIAR |

A maioria dos iniciantes (eu) preferem parar batendo em algo e se esquecem que podem usar o freio. Para parar é só coloca o pé direito um pouco mais a frente do outro e inclinar os dedos para cima. Outra forma, mas esse exige bastante treino, é virar os tornozelos para dentro ou para fora para formar um V ou colocar um pé perpendicular ao outro para fazer um T. É muito legal, mas não me dei bem tentando isso. hahahaha Não ainda!

| RODÍZIO DE RODAS |

Uma coisa muito interessante que descobri é que é muito importante fazer rodízio de rodas para que elas duram mais. Para fazer é só trocar a primeira roda do patins esquerdo com a terceira roda do patins direito e a primeira do patins direito com a terceira do patins esquerdo. A segunda roda do patins esquerdo você deve trocar com com a quarta do patins direito, e vice versa. Caso essa mudança traga alguma sensação de desconforto, experimente uma rotação diferente, movendo as rodas da posição um para quatro, dois para três e três para quatro.

| ONDE PATINAR |

DSC0389a

 

20170402_170908-01

Sempre opte por pisos de concreto lisos e locais planos. Aqui em BH temos a Praça do Papa, a Praça JK e a Esplanada do Mineirão que é o point preferido dos patinadores. Mas quando você quiser treinar umas manobras radicais, pode visitar as pistas do Parque das Mangabeiras. Ah! Também descobri esses dias que a Av. dos Andradas tem uma parte fechada para prática de esportes e a Cidade Administrativa também, aos domingos.

| CURIOSIDADE |

patins-antigos

Você sabia que o primeiro patins foi criado em 1760 e só tinha duas rodas em cada pé? E só em 1823 Roberto John Tyers criou o modelo “rollito” bem parecido com o que conhecemos hoje. Já o squad, com quatro rodas sendo duas paralelas, só foi criado em 1863, por James Leonard Plimpton em NY.

E aí? Gostaram do post? 
Quem aí está a fim de me ensinar algumas manobras?Assinatura10