{ Moça, sorria! }

Título Post - Não perca seu tempo 2

“MOÇA, SORRIA! NÃO PERCA SEU TEMPO COM NUANCES, INSIGNIFICANTES…”

Este é um trecho de uma música que eu amo do cantor Jp. e ela fala sobre o quanto a vida é curta e como um sorriso reflete na vidas de outras pessoas.

A nossa alegria e modo de viver podem contagiar e inspirar aqueles que nos cercam.O trecho da marcação é exatamente o que vamos falar. Para entender com mais profundidade o que o autor dessa canção quis dizer no trecho destacado acima, fui até o dicionário pesquisar o que seria nuances. Eis aí o resultado:

“Nuance é um termo com origem na língua francesa que significa uma variação ligeira.” 

Quero abordar as variações ligeiras na nossa vida sentimental. Alguns relacionamentos que insistimos em desenvolver e que intuitivamente sabemos que não dará certo, mas que de alguma forma nos alimenta e não conseguimos nos ver longe deles, e quando estamos envolvidas o suficiente ele acaba, a decepção chega e arrasa com nossas esperanças. Você já se pegou insistindo em permanecer em um relacionamento que intuitivamente sabia que não daria certo? Já tentou se desvencilhar sem sucesso de um parceiro que lhe faz mal e mina com sua alegria e esperanças?

O fato é que vemos desde o início alguns sinais, mas não queremos observá-los de maneira racional para assim nos posicionarmos. A fim de evitar maiores tristezas, fechamos nossos olhos para o óbvio, passamos a aceitar migalhas de afeto, nos sujeitando a relacionamentos medíocres, possessivos e ate mesmo abusivos.

O que o ocorre é que acabamos abrindo mão de nossa identidade, desejos, vontades, princípios e até valores, pelo simples fato de ignorar aqueles “sinais” que vimos desde sempre.

A pergunta é: “O que está por trás destes comportamentos? O que nos faz permanecer lá uma vez que o mesmo não nos faz bem? Qual necessidade e fator devemos considerar que justifique esse procedimento e essa falta de posicionamento a favor de nós mesmos?

Me atreverei aqui a responder..

“Quando se está faminto qualquer migalha é pão!” meu terapeuta Davi Chang me libertou com essa frase.

Às vezes, criamos tanta expectativa nesta área que chegamos até a idolatrá-la e a vontade de ter sucesso nela e ser realmente amada nos cega.

Nesta busca, acabamos nos machucando e muitas vezes somos feridas não só emocionalmente, mas inclusive no físico. Quando o stress, a insegurança e tristeza aumentam, nossa imunidade abaixa e ficamos mais propensas a desenvolver alergias, gripes outras doenças de fundo emocional.

A questão é que somos seres integrais. Para nos realizarmos precisamos estar atentas a todos pilares, não só o conjugal/ sentimental.

Temos a responsabilidade de nos cuidar em todas as áreas : profissional, intelectual, emocional, espiritual, social,familiar, saúde e conjugal.

Uma não é mais importante que a outra. Devemos nos atentar, pois se houver uma disfunção, quase todas a áreas sentem, ou seja, se não fizer boas escolhas na área em questão, certamente ira refletir os danos em outra.

O que quero encorajá-la é para que você busque uma vida plena, de auto conhecimento. Acredite que você merece ter um relacionamento digno de quem você é.

Faça um reflexão sobre suas crenças. Não falo de crenças religiosas, mas sim da maneira como você se vê e como pensa a respeito de você mesma.

Saiba que ninguém neste mundo é como você, ainda que queiram e tentem, não são!

Deus nos fez únicos e com dons específicos!

Se ame, se respeite, preencha seu tempo com o que te faz bem! Quando você se amar de verdade, não permitirás mais perder seu tempo com nuances insignificantes!

O quanto você se ama, e está realizada
com a forma que você controla suas emoções?

Responda  a essa pergunta e se prepare para o próximo post!
Na semana que vem vamos falar sobre como aumentar a sua auto estima! Que tal?

Deixo meu abraço e gratidão pela oportunidade de chamá-las à reflexão através da minha amiga Paty que me incentivou e sempre inspirou muito. Bjos no CoraçãoAssinatura Nay

3 Responses to "{ Moça, sorria! }"

  1. Cássia Gama
    Cássia Gama 7 meses %1$s %2$s, %3$s atrás (%4$s) .Responder

    Parabéns Nay.,
    pela colocação clara, objetiva, real e funcional.do seu texto… me identifiquei com cada linha escrita… sei bem sobre esse assunto… vivi um relacionamento assim por 35 anos e cheguei literalmente ao fundo.do.poço…. continue prestando esse auxílio pra tantas necessitadas de ajuda… 👏😘

    • Nayara Magalhães
      Nayara Magalhães 7 meses %1$s %2$s, %3$s atrás (%4$s) .Responder

      Ei Cássia, que bom que gostou e vamos continuar sim falando sobre esses assuntos!! Obrigada por compartilhar sua experiência!!
      Bjos saudades

  2. Barbara Franciele
    Barbara Franciele 7 meses %1$s %2$s, %3$s atrás (%4$s) .Responder

    Muito boa reflexão